Atendimento ao público permanece suspenso até dia 30 na 1ª VT/Barueri

Foi publicada nesta sexta-feira (20), no Diário Oficial Eletrônico (DOe), a Portaria GP/CR nº 04/2017, que prorroga até 30 de janeiro o prazo de suspensão do atendimento ao público na 1ª Vara do Trabalho de Barueri-SP.

A publicação substitui portaria anterior (GP/CR nº 49/2016), veiculada no DOe em 16 de dezembro de 2016, que instituiu o regime de recuperação correicional na unidade por um período de 120 dias e suspendia o atendimento ao público até o dia 20 de janeiro.

Leia abaixo a íntegra da Portaria GP/CR nº 04/2017.

PORTARIA GP/CR nº 04/2017

Prorroga o prazo de suspensão do atendimento ao público na 1ª Vara do Trabalho de Barueri.

O DESEMBARGADOR PRESIDENTE E A DESEMBARGADORA CORREGEDORA REGIONAL DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 2ª REGIÃO, no uso de suas atribuições legais e regimentais,

CONSIDERANDO os termos da Portaria GP/CR nº 49/2016, que instituiu o regime de recuperação correcional na 1ª Vara do Trabalho de Barueri, em especial o disposto no seu art. 3º;

CONSIDERANDO a decisão da Corregedoria Regional deste Tribunal em dar continuidade aos trabalhos da correição extraordinária na 1ª Vara do Trabalho de Barueri,

RESOLVEM:

Art. 1º Fica prorrogada a suspensão do atendimento ao público na 1ª Vara do Trabalho de Barueri até 30 de janeiro de 2017, sem prejuízo dos atendimentos emergenciais, necessários para evitar o perecimento de direito, dano de difícil reparação ou para assegurar a liberdade de locomoção.

Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação.

Publique-se e cumpra-se.

São Paulo, 19 de janeiro de 2017.

(a)WILSON FERNANDES
Desembargador Presidente do Tribunal
(a)JANE GRANZOTO TORRES DA SILVA
Desembargadora Corregedora Regional

Veja aqui o conteúdo da Portaria anterior (GP/CR nº 49/2016).

Fonte: http://www.trtsp.jus.br/indice-de-noticias-ultimas-noticias/20826-atendimento-ao-publico-permanece-suspenso-ate-dia-30-na-1-vt-barueri
Todas as informações contidas nesta página são de responsabilidade do seu criador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *