Aviação de segurança pública recebe homenagem no Senado

Com exposição de helicópteros no gramado em frente ao Congresso e presença maciça de policiais e bombeiros no Plenário, o Senado Federal comemorou o Dia Nacional da Aviação de Segurança Pública em sessão especial realizada nesta sexta-feira (28).

Autor do requerimento de homenagem, o senador Izalci Lucas (PSDB-DF) resumiu a longa trajetória da atividade no Brasil e seu destacado papel de apoio no desempenho das funções de segurança pública. Ele cumprimentou em especial os integrantes da frota de aviação do Distrito Federal, a maior entre as unidades federativas:

— [A aviação de segurança pública] merece toda a nossa reverência pelo trabalho de excelência que desempenha hoje. São homens e mulheres que recebem a admiração e o orgulho da população — declarou

A deputada Katia Sastre (PL-SP), que é policial militar, lembrou os 12 anos em que conheceu de perto o trabalho aéreo da corporação, e louvou a qualidade do serviço e a perícia dos pilotos. Por sua vez, Ricardo da Silva La Cava, auditor fiscal de Operações Aéreas da Receita Federal, afirmou que o uso de helicópteros pela instituição — iniciado em 2007 — melhorou a vigilância de fronteiras, possibilitando grandes apreensões de cargas ilegais.

— Se a justiça não tiver meios de impor sua decisão, ela é débil. Por isso temos esses meios de repressão ao contrabando e ao descaminho — avaliou o auditor.

A unidade aérea da Polícia Federal presta serviços da melhor maneira possível, segundo Jackson Rimac Rosales Allanic, coordenador de Aviação Operacional da instituição. Para ele, a homenagem à aviação é um reconhecimento à Polícia Federal e aos órgãos parceiros.

— O conjunto nos faz mais forte, e na aviação vemos isso mais claramente — resumiu.

Representando o Ministério da Justiça e Segurança Pública, Jahir Lobo Rodrigues ressaltou que a aviação traz “esperança a quem não tem” ao conferir celeridade na salvação de vidas. Ele espera que a integração dos órgãos contribua para o aumento da segurança de qualidade.

Histórico

A aviação de segurança pública no Brasil tem origem em 1913, quando foram criadas em São Paulo a Esquadrilha de Aviação e a Escola de Aviação da Força Pública. Na década de 1970, o Rio de Janeiro foi o primeiro estado a destinar helicópteros para missões de segurança pública, exemplo que foi seguido por outros estados e pelo Distrito Federal.

O sistema aéreo de defesa tem três décadas de existência, englobando diversos órgãos da administração pública federal, estadual e municipal, como Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, polícias militares e civis, corpos de bombeiros militares e órgãos correlatos como a Receita Federal, Ibama e Detran-DF. O Dia Nacional de Aviação de Segurança Pública, comemorado em 29 de junho, foi instituído em 2007.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte: http://www12.senado.gov.br/noticias/noticias/materias/2019/06/28/aviacao-de-seguranca-publica-recebe-homenagem-no-senado
Todas as informações contidas nesta página são de responsabilidade do seu criador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *