Comissão debaterá corte de gastos para o transporte ferroviário urbano

A Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo debate nesta quarta-feira (4), a partir das 9h, as consequências da redução orçamentária para a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) e os sistemas de transporte ferroviário urbano de passageiros.

No requerimento da audiência pública, a presidente do colegiado, senadora Fátima Bezerra (PT-RN), chamou a atenção para o corte de quase 50% da verba prevista para o sistema de transporte, composto de metrôs e veículos leves sobre trilhos (VLTs). De acordo com a senadora, a redução de verbas pode afetar os metrôs das regiões metropolitanas de todo o país, em especial de cinco capitais operadas pela CBTU: Recife, Belo Horizonte, Maceió, João Pessoa e Natal.

“O governo federal tem sugerido que o sistema funcione em horário reduzido de segunda a sexta-feira e não descarta a paralisação total desse serviço. Essa é uma notícia que afeta a vida da população mais carente que depende desse meio de transporte para chegar até o local de trabalho. Hoje já há o grande problema de superlotação nos transportes coletivos, imagine se esse serviço deixar de existir”, alertou.

Foram convidados para participar da reunião o diretor-presidente da Companhia Brasileira de Trens Urbanos, José Marques de Lima, e os superintendentes nas cidades de Recife, Belo Horizonte, Maceió, João Pessoa e Natal; um representante do Ministério das Cidades e o professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro Rômulo Dante Filho.

A audiência pública será realizada na sala 7 da Ala Senador Alexandre Costa.

COMO ACOMPANHAR E PARTICIPAR

Participe:
http://bit.ly/audienciainterativa
Portal e-Cidadania:
www.senado.gov.br/ecidadania
Alô Senado (0800-612211)

Fonte: http://www12.senado.gov.br/noticias/noticias/materias/2018/04/03/comissao-debatera-corte-de-gastos-para-o-transporte-ferroviario-urbano
Todas as informações contidas nesta página são de responsabilidade do seu criador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *