Falta de recursos para a educação é preocupante, alerta Paim

O senador Paulo Paim (PT-RS) manifestou-se em Plenário, nesta terça-feira (13), contra os cortes orçamentários nas universidades federais e centros de pesquisa, que trarão graves consequências para a educação, na avaliação dele.

Para o parlamentar, a situação se agrava a cada dia e a falta de recursos pode fazer as universidades interromperem as atividades, pois os bloqueios atingem de 15% a 54% da verba das instituições. Paim destacou também as regiões nas quais as universidades mais sofreram cortes: 33,11% no Norte, 32,01% no Centro-Oeste, 31,52% no Nordeste, 27,62% no Sul e 27,59% no Sudeste. Para o senador, o contingenciamento no orçamento da ciência brasileira é destaque na imprensa internacional e lança um alerta sobre o desmonte da educação no Brasil.

— Os professores e pesquisadores estão aturdidos, sem saber a quem apelar.

O senador citou trecho de uma entrevista à imprensa de Esther Colombini, professora do Instituto de Computação da Unicamp, em São Paulo, e diretora de Competições Científicas da Sociedade Brasileira de Computação.

— “Trabalhamos muito além do nosso expediente normal para alavancar a ciência e a inovação; agora somos tratados como o problema.” A cientista complementa: “Claro que a universidade pública tem problema, mas é, de longe, uma das poucas coisas que funcionam no Brasil” — relatou Paim, afirmando que a cientista “também sentiu a mudança de percepção em relação à valorização da educação neste novo país”.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte: http://www12.senado.gov.br/noticias/noticias/materias/2019/08/13/falta-de-recursos-para-a-educacao-e-preocupante-alerta-paim
Todas as informações contidas nesta página são de responsabilidade do seu criador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *