Humberto Costa diz que prisão de Lula teve motivação política

O senador Humberto Costa (PT-PE) classificou nesta quarta-feira (11) de arbitrária a decisão da juíza federal Carolina Lebbos, de execução penal, que proibiu a visita que uma delegação de governadores e parlamentares faria ao ex-presidente Lula, ontem, na sede da Polícia Federal, em Curitiba.

Segundo ele, esse episódio reforça o entendimento de que a prisão de Lula, condenado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro pelo TRF4, teve motivação política e foi efetuada para impedi-lo de concorrer à presidência da República, nas eleições de outubro deste ano. Humberto Costa disse ainda que forças políticas já exigem um basta ao constante desrespeito à Constituição e ao Estado Democrático de Direito que vem sendo promovido no país.

O senador também disse existir um processo de “criminalização da política”, que já tomou conta do Brasil. Humberto Costa afirmou que editoriais dos meios de comunicação “exigem sangue e prisão” de pessoas investigadas que tenham mandatos.

— Não vai demorar muito para que, talvez, quem sabe, até integrantes deste Congresso Nacional estejam condenados à mesma condição do presidente Lula, injustamente, e com desrespeito à Constituição. Pois não se deve fazer festa nem soltar fogos com a injustiça nem com o infortúnio de quem quer que seja — declarou.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte: http://www12.senado.gov.br/noticias/noticias/materias/2018/04/11/humberto-costa-diz-que-prisao-de-lula-teve-motivacao-politica
Todas as informações contidas nesta página são de responsabilidade do seu criador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *