Jorge Viana defende Lula e pede ao Supremo que revise a prisão em segunda instância

O senador Jorge Viana (PT-AC) disse nesta terça-feira (10) em Plenário que o Supremo Tribunal Federal (STF) terá outra oportunidade de “ser Supremo”. Ele se referiu à nova análise, nesta quarta (11), sobre o cabimento ou não de prisão a partir de condenações em segunda instância, como é o caso do ex-presidente Lula, preso no último fim de semana.

Para Jorge Viana, é preciso rever a possilidade de prisão antes do trânsito de julgado. Ainda de acordo com o parlamentar, depois do STF, somente o próprio Lula teria poder para “pacificar o país”.

— Porque a pessoa, o brasileiro que poderia fazer isso, pela liderança que representa, pelo espírito que tem de perdoar, de estabelecer convivência com os contrários, está preso: que é o presidente Lula. Só ele, como líder político, poderia ajudar a pacificar o país nesta hora — afirmou o senador.

O senador ressaltou a repercussão internacional da prisão de Lula, por tratar-se do “ex-presidente da República mais conhecido fora do Brasil”. Antes dele, disse Jorge Viana, o país só era conhecido por meio de celebridades como Pelé.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte: http://www12.senado.gov.br/noticias/noticias/materias/2018/04/10/jorge-viana-defende-lula-e-pede-ao-supremo-que-revise-a-prisao-em-segunda-instancia
Todas as informações contidas nesta página são de responsabilidade do seu criador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *