José Medeiros afirma que partidários de Lula tentam politizar uma questão policial

O senador José Medeiros (Pode-MT) afirmou nesta quarta-feira (11) que alguns parlamentares estão tentando dividir o país entre “povo e antipovo”. Segundo ele, o “povo” seriam estes senadores, seus correligionários e suas virtudes. Já os “antipovo” seriam os adversários políticos, as empresas e os organismos internacionais que não pensam como eles.

De acordo com Medeiros, os senadores petistas tentam politizar uma questão de polícia, que a prisão do ex-presidente Lula, condenado por corrupção e lavagem de dinheiro pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4). O senador afirmou que o processo de Lula passou por mais de 15 juízes, sempre com a mesma decisão. Medeiros ainda criticou a intenção de alguns senadores e deputados petistas de incluir o sobrenome “Lula” nos seus nomes parlamentares.

— Se é para dividir em lados, então entre o presidiário e o juiz, eu prefiro ficar do lado do juiz. Então eu [apresentei] um requerimento à Mesa também, pedi para que coloque agora José Moro Medeiros, está aqui o requerimento na Mesa. Porque eu me recuso a participar desse tipo de coisa que joga a população brasileira contra um juiz que simplesmente julgou os fatos que chegaram na mão dele — declarou Medeiros.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte: http://www12.senado.gov.br/noticias/noticias/materias/2018/04/11/jose-medeiros-afirma-que-partidarios-de-lula-tentam-politizar-uma-questao-policial
Todas as informações contidas nesta página são de responsabilidade do seu criador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *