Operação Muro Alto apreende R$ 3 milhões de mercadorias irregulares nos primeiros 10 dias

Após 10 dias do início da Operação Muro Alto, a equipe do Grupo Regional de Vigilância e Repressão da 1ª Região Fiscal, em atuação ininterrupta na região de fronteira com o Paraguai, nos municípios de Dourados, Ponta Porã e cidades próximas, vem desenvolvendo ações de monitoramento dos fluxos de mercadorias em veículos oriundos do país vizinho.

As equipes atuam em barreiras fixas e em locais diversos, valendo-se de boa mobilidade visando o fator surpresa, e buscando também aumentar a presença fiscal da Receita Federal na região.

Foram apreendidos, até o momento, 16 veículos abarrotados com produtos estrangeiros introduzidos irregularmente no território nacional. As mercadorias retidas, em sua maioria equipamentos eletrônicos, receptores digitais, brinquedos, maquiagens, fardos com vestuário, cigarro, essências e acessórios de narguilê, foram avaliadas em cerca de R$ 3 milhões.

Fonte: http://idg.receita.fazenda.gov.br/noticias/ascom/2018/novembro/operacao-muro-alto-apreende-r-3-milhoes-de-mercadorias-irregulares-nos-primeiros-10-dias
Todas as informações contidas nesta página são de responsabilidade do seu criador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *