Senado aprova indicado para embaixada brasileira no Mali

O Plenário do Senado aprovou, nesta terça-feira (22), a indicação do diplomata Carlos Eduardo de Ribas Guedes para exercer o cargo de embaixador do Brasil na República do Mali. Foram 42 votos a favor e apenas três contrários. O nome do diplomata já havia sido aprovado na Comissão de Relações Exteriores do Senado (CRE) na segunda-feira (21). A relatora da indicação foi a senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA).

Carlos Eduardo Ribas Guedes nasceu em 1954, no Rio de Janeiro (RJ). Ele se formou em Comunicação Social em 1976, pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ), e iniciou sua carreira diplomática em 1985.

Em sua sabatina na CRE, Ribas Guedes disse que o Brasil tem comércio significativo com o Mali na venda de aviões e ônibus, no agronegócio e em programas de cooperação técnica. Segundo ele, o Mali é um país de baixa renda, com agricultura de baixa produtividade. O país está localizado na África Ocidental, não tem saída para o mar e conta com uma população estimada de 18 milhões de habitantes.

A sessão para apreciação das autoridades foi realizada de forma semipresencial, com parte dos senadores presentes em Plenário e outros participando de forma remota. As votações, realizadas no prédio do Senado, puderam ser feitas em totens especialmente criados para isso, colocados em locais estratégicos. A ideia era seguir as recomendações de distanciamento, como forma de evitar o contágio e a propagação da covid-19, e viabilizar a votação secreta de autoridades, conforme previsão constitucional.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte: http://www12.senado.gov.br/noticias/noticias/materias/2020/09/22/senado-aprova-indicado-para-embaixada-brasileira-no-mali
Todas as informações contidas nesta página são de responsabilidade do seu criador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *