Para Alvaro, conversa entre Moro e Deltan não compromete provas usadas na Lava Jato