Vereadora eleita destaca sua participação no Programa Jovem Senador em 2019

Eleita vereadora do município de Buritis, em Rondônia, Nayara Oliveira, de 19 anos, teve a quarta maior votação para o cargo na cidade. A candidata do partido Republicanos, foi a única mulher eleita no município, onde conquistou 347 votos (2,46% do total). Segundo Nayara, que foi jovem senadora por Rondônia em 2019, o Programa Jovem Senador foi um divisor de águas em sua vida e despertou seu interesse pela política.

— Nunca passou na minha mente ser uma candidata de fato, pleitear um cargo, enfim, nada relacionado a política na prática. Mas com o Jovem Senador, com a semana presencial em Brasília, surgiu em mim um interesse. Eu comecei a ver a política por outros olhos, aliás, a ver a sua importância para nossa sociedade, para nossa nação — declarou.

Atuação política

A vereadora eleita relatou que não foi fácil decidir entrar na política aos 19 anos. Isso porque, paralelamente, ela havia obtido pontuação suficiente no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para cursar o que ela desejava na faculdade: economia, gestão pública ou direito. Com a carreira política em curso, por ora ela decidiu fazer um curso superior a distância em serviços jurídicos cartorários e notariais, e futuramente pretende se dedicar aos cursos de seu interesse.

— Apesar de muito jovem, eu acredito que a capacidade não está na idade de ninguém, mas está no objetivo, no foco, nas boas intenções e no caráter. E eu acredito nessa juventude que está vindo e que é o futuro do país e pode trilhar um caminho magnífico, fazendo uma nova política — enfatizou.

Nayara Oliveira explicou que as irregularidades observadas na política brasileira também a incentivaram a se candidatar. Além das dificuldades vividas por ela como moradora da zona rural de Buritis.

Mulheres candidatas

A nova vereadora lamentou a baixa presença feminina na política. Para ela, independentemente de gênero, é necessário haver pessoas com caráter governando. Segundo Nayara, os políticos devem ainda debater e fazer leis mais rígidas para a proteção das mulheres.

— A participação de mulheres ainda é muito pequena. Falta oportunidade para elas demostrarem aquilo que elas sabem fazer. Outra questão que me revolta muito é a impunidade acerca da Lei Maria da Penha, impunidade contra os agressores e a violência contra a mulher — registrou.

Jovem Senador

O Jovem Senador é um programa anual que seleciona, por meio de um concurso de redação, em cada estado, 27 estudantes do ensino médio de escolas públicas, com idade até 19 anos, para vivenciarem o trabalho dos senadores em Brasília. O programa tem como objetivo proporcionar aos estudantes conhecimento acerca da estrutura e do funcionamento do Poder Legislativo no Brasil.

Nayara Oliveira participou do programa em 2019 após ter sua redação classificada por Rondônia. A jovem senadora aprendeu sobre o funcionamento do Senado entre 25 e 30 de novembro, quando tinha 18 anos.

Na ocasião, ela foi relatora de um dos três projetos elaborados pelos jovens senadores, o PLSJ 1/2019, sobre a criação do Minuto da Cidadania, programa para rádios, TVs e internet para conscientizar a população sobre os objetivos fundamentais da República e os direitos, deveres e garantias fundamentais previstos na Constituição.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte: http://www12.senado.gov.br/noticias/noticias/materias/2020/11/17/vereadora-eleita-destaca-sua-participacao-no-programa-jovem-senador-em-2019
Todas as informações contidas nesta página são de responsabilidade do seu criador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *